16/02/2018

I DOMINGO DA QUARESMA | ANO B

Mostrai-me, ó Senhor, vossos caminhos, e fazei-me conhecer a vossa estrada! Vossa verdade me oriente e me conduza, porque sois o Deus da minha salvação.

I DOMINGO DA QUARESMA | ANO B

18 de fevereiro – 1º Domingo da Quaresma


 
1ª Leitura: Gn 9,8-15
2ª Leitura: 1Pd 3,18-22
Evangelho: Mc 1,12-15
 
Terminado o dilúvio, Deus faz aliança com Noé e sua família. O símbolo desta aliança que inaugura o mundo renovado é o arco-íris. Os antigos pensavam que os raios que caem durante as tempestades eram flechas dos deuses. Arco e flecha eram armas de guerra. Aqui Deus “depõe as armas”; seu arco de guerra é transformado em símbolo de paz e harmonia, e é colocado bem visível no céu. Deus transforma o instrumento de morte em instrumento de vida para as criaturas. Não obstante o pecado do homem, Deus revela sempre sua misericórdia e sua salvação.
 
O dilúvio e a arca de Noé nos lembram o Batismo, meio pelo qual Jesus concede a salvação. Salvação perene, não apenas momentânea, mas eterna. O anúncio de Cristo na mansão dos mortos àqueles que aguardavam a salvação, mostra que ela é destinada a todos os justos, de todos os tempos e lugares. Agora que Cristo está à direita do Pai, é seu Batismo que nos purifica de toda mancha para nos conduzir à salvação. Noé salvou apenas sua família e os animais; Cristo, com seu sangue, com seu Batismo, salva todos os que nele creem.
 
O evangelho lembra as tentações de Jesus no deserto e o início da sua pregação, na qual convida todos a se converter e a crer no Evangelho. Ele não começa logo as obras da vida pública, a busca dos pecadores, dos pobres, dos doentes; mas sob o impulso do Espírito Santo, retira-se para o deserto, onde passa quarenta dias em jejum e oração, na solidão e no silêncio.
 
Jesus é conduzido pelo Espírito ao deserto para ser tentado, para expressar seu amor ao Pai e vencer o Tentador. O tempo já se completou: Jesus, o Salvador, está conosco. O esperado de tantos séculos está em nosso meio, nos ama, nos dá tudo, nos salva.
 
Jesus nos mostra uma experiência profunda. Passar um tempo no deserto significa fazer um pouco de vazio e silêncio em torno de nós, redescobrindo o caminho do nosso coração, evitando o barulho e as tensões externas, para entrarmos em contato com a fonte mais profunda do nosso ser.
 
Todo instante de recolhimento tem seu valor: mesmo estar na igreja ou rezar em nossa casa é um desapego de nossas coisas comuns, de nossas preocupações, e uma busca da paz de coração, da verdadeira alegria e de novas forças para nossas vidas.
 
“Convertei-vos e crede no Evangelho”. A conversão não é uma ameaça, algo que entristece; pelo contrário, é uma oferta incrível, um convite à liberdade e à alegria. É a boa nova de Jesus para as pessoas de todos os tempos. “Converter-se” é tentar mudar o que deve ser mudado: somos feitos para coisas grandes, lindas e boas. Devemos perguntar-nos: “O que posso fazer mais e melhor, para amar o Senhor, amar as pessoas, começando pelas mais próximas?” “Crede no Evangelho!” O Evangelho é alegria, é verdade, é vida, é salvação para nós e para o mundo inteiro, nos problemas que nos afligem e nas esperanças que queremos cultivar.
 
Com a Igreja do Brasil, vamos viver essa Quaresma pondo em prática o lema da Campanha da Fraternidade: “Vós sois todos irmãos” e tomando parte nas iniciativas de nossas comunidades para juntos buscarmos meios de superar a triste violência que fere nossa pátria.

                                                                                                 

                                                                                                           Autor: Padre José Raimundo Vidigal, C.Ss.R.

                                                                         


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Nome: E-mail:
Cód. de Segurança:

* Publicação sujeita a moderação;
** Evite a utilização de termos grosseiros e xingamentos através de palavras de baixo calão;
*** Comentários com conteúdo ofensivo e propagandas serão devidamente ignorados.

Liturgia Diária

Bíblia On-Line

Avisos da Semana

Santo do Dia

Dizimistas


Calendário de Eventos

Calendário
« DEZEMBRO 2018 »
S T Q Q S S D
26 27 28 29 30 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31 1 2 3 4 5 6