04/08/2018

18° Domingo do Tempo Comum

Jesus é o Pão que não perece e que preserva da morte, que dura para a vida eterna. Recebe-o, se apropria dele, quem crê. A fé é a condição da comunhão.

18° Domingo do Tempo Comum
1ª Leitura: Ex 16,2-4.12-25
2ª Leitura: Ef 4,17.20-24
Evangelho: Jo 6,24-35
 
Quando atravessavam o deserto a caminho da terra prometida os hebreus sentiram fome e sede. Reclamaram diante de Moisés, dizendo que era melhor a situação no Egito onde eram escravos, mas tinham a segurança de um prato de comida. Parecem desprezar a ideia de buscar a liberdade, porque matar a fome era mais urgente. As queixas afinal eram endereçadas ao Deus providente e libertador, que os fizera sair da opressão. O povo terá pão e carne para comer, diz Deus a Moisés. Cada um deverá recolher o pão do céu, dom de Deus, na medida da sua necessidade para um só dia. Assim Deus submetia seu povo a uma prova para ver se caminhava na sua lei.
 
Paulo diz aos efésios que não devem viver como os pagãos, correndo atrás das coisas do mundo. Mas quem é seguidor de Cristo, quem escuta a palavra dele, deve viver uma vida nova, depondo o “homem velho”, isto é, não mais seguindo as paixões enganadoras. A fonte da felicidade brota dentro de nós e é, portanto, em nós que devemos buscá-la, não nas coisas do mundo. Esta vida renovada consiste em praticar a justiça e buscar a santidade, tendo como princípio de ação o Espírito Santo. Este é o único modo de depor o homem velho e revestir o homem novo, criado por Deus em verdadeira justiça e santidade.
 
Esse evangelho refere ao sermão de Jesus sobre a importância de crer nele. Ele declara que o pão dado por Moisés não era o verdadeiro; o verdadeiro é o Pão de Deus: é a sua pessoa, não uma coisa que se consome; é aquele que desce do céu e dá vida ao mundo, o Filho, que pelo mundo se dá em sacrifício. Jesus é o Pão que não perece e que preserva da morte, que dura para a vida eterna. Recebe-o, se apropria dele, quem crê. A fé é a condição da comunhão.
 
Jesus Cristo é o enviado de Deus, ele traz a revelação definitiva e abre o caminho que conduz a Deus. Aquele que segue Jesus com fé, que entra com Jesus na comunidade por meio do batismo, que toma Jesus como modelo e o escuta, encontrará através dele a verdade que sacia a fome de vida. Porque essa verdade é Deus mesmo que, por Jesus, oferece a todos os homens a possibilidade de participar de sua vida. A verdade está presente e pode ser recebida na palavra e no exemplo de Jesus, mas sobretudo na sua pessoa. Porque Ele é a verdade, Ele é o caminho, Ele é a vida de Deus em pessoa! E nos é oferecido viver com devoto respeito de um modo absolutamente direto, hoje, na celebração litúrgica da sua Igreja.
 
Jesus quer que nos encontremos com Ele, com sua pessoa, para criar conosco uma relação de amor que faça compreender aquilo que Deus Pai quer para todos, isto é, que pelo Cristo podemos chegar à vida eterna através do Pão descido do céu. O caminho do homem de hoje então passa pela vivência de três atitudes: crer que Jesus foi mandado pelo Pai, acolhê-lo e viver cada dia com Ele.

 

 

 

 

 

 

Autor: Pe. José Raimundo Vidigal,C.Ss.R



SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Nome: E-mail:
Cód. de Segurança:

* Publicação sujeita a moderação;
** Evite a utilização de termos grosseiros e xingamentos através de palavras de baixo calão;
*** Comentários com conteúdo ofensivo e propagandas serão devidamente ignorados.

Liturgia Diária

Bíblia On-Line

Avisos da Semana

Santo do Dia

Dizimistas


Calendário de Eventos

Calendário
« OUTUBRO 2018 »
S T Q Q S S D
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31 1 2 3 4